I. SOMOS TODOS ÚNICOS!

GENES E AMBIENTE

Cada um de nós tem uma combinação de características ou traços que é diferente dos outros.
Alguns traços são fáceis de ver, como a cor dos olhos, a altura e as sardas. Outros traços são menos visíveis, como a asma, o talento musical e a predisposição para doenças.
Alguns traços são herdados e outros são moldados pelo ambiente.
A cor dos olhos e o formato do nariz são traços herdados, controlados pelos genes, que herdamos dos nossos pais.

A língua que falamos e a música de que gostamos são moldados pelo ambiente, que inclui a cultura, as nossas experiências e o meio envolvente.

A maior parte dos traços são influenciados pelos genes e pelo ambiente. Por exemplo, pais altos têm tendência a ter filhos altos. Mas a altura também é influenciada pela nutrição. E ainda que exista diabetes na família, alguns tipos podem ser controlados com dieta e exercício. Mesmo pessoas nascidas com o tipo de corpo adequado para a dança ou para jogar basquetebol, necessitam de praticar / treinar para dominarem essas atividades.

Juntos, genes e experiências, fazem de nós quem nós somos.

GÊMEOS IDÊNTICOS: MESMO ADN, AMBIENTE DIFERENTE

Gêmeos idênticos têm exatamente o mesmo ADN, mas não são exatamente iguais. Cada gêmeo tem a sua própria personalidade, os seus próprios talentos, os seus gostos e desgostos. Há mesmo doenças que aparecem num gêmeo, mas não no outro, incluindo artrite, diabetes, autismo, esquizofrenia, cancro, entre outros. As diferenças entre gêmeos idênticos não vêm do ADN, mas sim de fatores externos.

Os cientistas frequentemente estudam gêmeos para entender como os genes e o ambiente trabalham juntos para afetar as características de cada um dos gêmeos. Os cientistas comparam traços em gêmeos idênticos, que têm ADN idêntico, e gêmeos fraternos, que compartilham metade de seu ADN, como qualquer outro irmão. Se uma característica aparece mais frequentemente em pares de gêmeos idênticos do que em pares de gêmeos fraternos, então essa característica foi herdada.

O QUE É O ADN E O QUE SÃO OS GENES?

As instruções para construir todas as coisas vivas, seja um peixe, uma bactéria, uma árvore, um inseto ou uma pessoa, estão numa molécula chamada ADN.

O ADN codifica as informações através das suas moléculas chamadas de bases nitrogenadas que estão ligadas a uma molécula de açúcar (desoxirribose ou OH) + Fosfato. Juntas, elas formam nucleótidos.

As bases nitrogenadas são compostas por Adenina, Guanina, Citosina e Timina (A,G, C e T) e a molécula de açúcar (desoxirribose ou OH) é ligada a uma molécula de Fosfato (P).

O ADN é formado por duas fitas de bases nitrogenadas + açúcar/fosfato, que origina uma estrutura de dupla-hélice. O que mantém as duas fitas ligadas, são as pontes de hidrogênio que ligam uma base nitrogenada a outra correspondente, ou seja Adenina liga-se Timina e vice-versa, e Guanina liga-se a Citosina e vice-versa.

Estas bases funcionam juntas, em unidades chamadas de genes. Cada gene tem um conjunto de instruções para construir uma proteína.

Um conjunto completo de genes chama-se genoma. Um genoma é um conjunto de instruções para construir um organismo completo.

O genoma de cada pessoa tem os mesmos genes, organizados na mesma ordem. Mas existem pequenas diferenças nas sequências das bases nos nossos genes que tornam cada pessoa única.

O ADN É O MESMO PRODUTO QUÍMICO

O ADN parece ser exatamente o mesmo em todos os organismos vivos da Terra.

Todos os seres vivos têm ADN. E independentemente do ADN vir de um ser humano, de uma planta de ervilha ou de um rato de estimação, não deixa de ser a mesma molécula. É a ordem das letras no código que torna cada organismo diferente.

O GENOMA HUMANO

A ordem das bases de ADN constitui uma “sequência”. Podemos ler uma sequência de ADN como letras num livro. Na verdade, sabemos a sequência de todo o genoma humano – todos os 3 mil milhões de letras. São informações suficientes para preencher cerca de 1.000 livros de 200 páginas!

Dentro dos 3 mil milhões de letras do genoma humano estão cerca de 21.000 genes. A maioria de nossos genes conhecidos codificam proteínas, mas alguns codificam moléculas do RNA.

O SEU ADN TORNA-O ÚNICO

Todos os seres humanos têm os mesmos genes dispostos na mesma ordem. E mais de 99,9% da nossa sequência de ADN é a mesma. Mas os 0.1% são suficientes para fazer cada um de nós único. Em média, um gene humano terá 1 a 3 bases que diferem de pessoa para pessoa. Essas diferenças podem alterar a forma e a função de uma proteína, ou podem alterar a quantidade de proteína que é feita, quando é feita ou onde é feita.

O QUE É A HEREDITARIEDADE

Quando os seres vivos reproduzem-se, eles transmitem o ADN aos seus ascendentes (filhos).

Através da reprodução assexuada, alguns seres vivos conseguem reproduzir-se sem parceiro. O filho é geneticamente igual ao seu progenitor.

Outros seres vivos, como os humanos, reproduzem-se com um parceiro. Chama-se reprodução sexual. O filho reproduzido assim herda 50% do ADN do pai e 50% do ADN da mãe.

Cada um de nós tem duas cópias de cada gene. As duas cópias podem ser as mesmas ou podem ser diferentes. A combinação de todos os nossos genes influencia os nossos traços herdados.

Quando um casal tem filhos, cada progenitor passa uma cópia de cada um dos seus genes ao seu filho. A cópia de cada um dos genes passado ao seu filho é feita de forma aleatória e pode ser diferente de filho para filho.

Cada filho recebe uma combinação única das cópias de todos os genes dos seus pais. Esta mistura contribui para a diversidade genética.

Porque partilham os genes, os filhos parecem-se com os seus pais e entre si (irmãos). Mas a combinação única dos genes dá a cada indivíduo um conjunto único de características herdadas.

Se olharmos para trás, o ADN dos pais foi passado pelos seus próprios pais, e por isso, os filhos também partilham ADN com os seus avós. Mas a proporção que partilham com cada um dos seus avós é de 25%, metade do que partilham com cada um dos progenitores. Se pensarmos nos bisavós, os filhos partilham ADN com todos eles, mas apenas 12.50%.

Este padrão explica porque é que temos mais genes em comum com familiares mais próximos, como a mãe, do que com familiares mais distantes, como a bisavó.

Desta forma, o ADN de cada um de nós tem o registo das relações familiares da nossa família.

O QUE ACONTECE

Uma criança desaparece numa multidão na feira. Uma criança entra por uma porta aberta. Um adolescente não volta do shopping. Um atentado ocorre. Todos os anos, centenas de milhares de crianças no mundo são dadas como “desaparecidas”. Na Europa desaparecem todos os anos 250.000 crianças, é o equivalente a desaparecer 5 aviões por dia!

HORÁRIO

Seg. a Sex. 9:30 – 19:00
Sábado 9:30 – 12:30
Domingos Encerrados

 (+351) 211 360 287

OS NOSSOS VALORES

A nossa visão vem com uma grande responsabilidade. É por isso que estamos a construir a melhor equipa e o melhor dispositivo na área da segurança biológica, desenvolvimento de produtos de ADN que possam proporcionar verdadeiras revelações para os nossos clientes.

O conhecimento e a excelência técnica constituem um pilar base de actuação/sucesso da Eu, ADN. Promovemos o alcance da excelência através da aprendizagem e do conhecimento, investindo no saber e desenvolvimento profissional dos colaboradores.

Agimos, em todas as circunstâncias, com retidão, honestidade e seriedade com colaboradores, clientes, fornecedores, governos, comunidades locais e sociedade em geral. Valorizamos e promovemos uma actuação fortemente baseada na isenção, imparcialidade, objetividade e profissionalismo, assente na implementação das melhores práticas.

COMPRAR KIT EU, adn

2017-10-24T18:31:08+00:00